Inovação se tornou uma das palavras mais populares nas salas de reunião das empresas. Todos buscam se manter competitivos e inovadores em um mundo totalmente conectado, em que informações circulam na velocidade da luz e mudanças ocorrem a cada segundo.

Peter Drucker define inovação como: “o esforço para criar mudanças objetivamente focadas no potencial econômico ou social de um empreendimento“. Dito isto, fica fácil afirmar que a inovação é um agente de mudança e uma ferramenta crucial para qualquer liderança.

Sempre indaguei qual seria o verdadeiro papel do líder quando o assunto é inovação. Percebo que muitos líderes se sentem pressionados a terem uma grande ideia que irá revolucionar o mercado ou transformar uma indústria.

Estou  convencido que o verdadeiro papel do líder não é ter grandes ideias, mas sim, criar o ambiente ideal para que grandes ideias possam florescer e gerir a transformação dessas ideias em inovações que gerem valor.

 

Pensem comigo, quem melhor que a nossa equipe, que está na linha de frente, executando processos, negociando com fornecedores e atendo os clientes, para enxergar oportunidades e novas maneiras de fazer as coisas. Um colaborador que atende diretamente os clientes, pode nos trazer insights valiosos sobre as questões feitas por eles, seus pedidos, vontades e reclamações. Insights esses, que nenhum executivo poderia ter de dentro do escritório ou na sala de reunião, a quilômetros de distância dos clientes.

 

Tendo em vista esse cenário, no qual as pessoas que compõem as nossas equipes possuem as informações mais valiosas para a geração de novas ideias e futuras inovações, o nosso papel como líderes é estimular essas pessoas a terem ideias, a desafiarem o status quo e a buscarem novas maneiras de fazer “aquilo que sempre foi feito assim”.

 

Se a nossa equipe entender que o papel deles é apenas chegar no horário para trabalhar, fazer o que lhes é pedido e ir embora, estaremos perdendo um enorme potencial de inovação nas empresas. Centenas de ideias para resolver problemas reais, práticos e do dia a dia, deixarão de ser apresentadas.

 

Quando ideias em potencial não encontram o ambiente fértil que precisam para florescerem, parte da capacidade competitiva das empresas é perdida e com isso a conquista de grandes resultados fica comprometida.

 

O que tenho feito com a minha equipe é lembra-los constantemente o “porquê” da nossa empresa existir, qual a nossa visão de futuro e o quanto eles são importantes para chegarmos lá.  Faço questão de estimular cada um deles a expressarem esse porquê no trabalho que realizam, a executarem as suas funções do dia a dia com a nossa visão de futuro em mente e fazer o mesmo com suas equipes.

 

Com todos trabalhando desta forma e com esse modelo de pensamento, novas ideias para melhorar ou criar algo que nos ajude a caminharmos na direção do futuro desejado, sempre serão bem-vindas.

 

O primeiro, e mais importante passo, foi construir confiança. Eu sabia que para criar uma atmosfera de trabalho que estimulasse a criatividade e a inovação, precisaria de um ambiente que fosse, acima de tudo, colaborativo.

 

Criar um ambiente em que os colaboradores confiem uns nos outros, na sua liderança e na organização em que trabalham é fundamental para que as pessoas estejam dispostas a correr riscos, a apresentar suas ideias e implantar ideias que podem ou não gerar os resultados esperados.

 

Existe uma fala de James M.Kilts, que foi CEO da The Gillette Company, que exemplifica muito bem essa questão de assumir riscos: é indispensável o incentivo a atividades de risco. Um dos temas que sempre abordamos em nossa empresa é destacar que o contrário do sucesso não é o fracasso, mas a inércia.

 

 

Apenas quando o líder consegue edificar a confiança, e consequentemente a colaboração, na sua equipe ele estará no caminho para evitar a inércia e cumprir o seu papel para promover a inovação.

 

O que você faz para não deixar a sua equipe na inércia?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s