O Líder Integrador

Essa semana estava refletindo sobre o quanto a relação entre as empresas e seus consumidores mudou nos últimos anos, principalmente em função dos avanços tecnológicos que estamos vivendo.

Está tudo mais rápido, mais conveniente, mais acessível. O consumidor tem mais informações e mais escolhas, o que faz com que ele busque por novas experiências.

Tudo isso tem impactado muito a estratégia das empresas, que precisam focar na experiência do cliente, enxergar à frente e agir com velocidade, para se manterem competitivas. Essa mudança na estratégia, consequentemente, afeta a liderança e a forma de gerir talentos.

É exatamente neste contexto que Ram Charan apresenta uma nova disciplina, o Líder Integrador, um líder capaz de unir disciplinas e especialistas. Segundo ele a integração é a origem da inovação e, se uma empresa não inova, não sobrevive.

Steve Jobs e Bill Gates são grandes exemplos de líderes integradores, mas o líder integrador não precisa estar no topo da empresa ou ser seu presidente. O próprio Steve Jobs desempenhava esse papel, mas deixava a Apple sob o comando de Tim Cook.

O Líder Integrador é apenas um dos vários tipos de líderes em uma empresa, mas para que a empresa possa inovar e se manter competitiva, ele precisa existir e ter condições para realizar o seu trabalho de integração.

O ambiente ideal para a ação do Líder integrador é uma estrutura menos hierárquica, que ofereça mais agilidade nas tomadas de decisão e que permita que diversos especialistas aptos a inovar e criar novos processos, produtos e serviços possam ser conectados.

Ram Charam diz que: “Os níveis dentro da empresa precisam ser reduzidos, porque eles atrasam a vida, distorcem as informações e são empecilhos para a colaboração entre diferentes silos“.

É fundamental que os colaboradores possam se conectar, colaborar entre si, em equipe múltiplas e transversais, com mais diálogo. O papel do líder integrador é saber ouvir diferentes ideias, pesquisar as melhores e conectá-las.

O grande desafio das organizações é identificar líderes com essa habilidade de integração, permitir que eles passem a gerir equipes multidisciplinares e possam desenvolver essa habilidade. Afinal, como o próprio Ram Charan diz, liderança é como arte, é preciso praticar, praticar e praticar.

Você acredita que é ou pode se tornar um líder integrador?

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “O Líder Integrador

  1. Obrigado Sérgio! Um post fundamental para os dias de hoje. Muito bom!

    Ouvindo muitos relatos e vivenciando outros, vi que há anos ou décadas, conseguia-se resultado com cada um fazendo muito bem o seu. Frases assim eram comuns:
    “Pare de se preocupar e querer entender a área do fulano, faça o seu e o que há lá é problema dele!!”

    Hoje a comunicação e disseminação de informações estão muito maiores e mais rápidas, então todos sabem um pouco de tudo e de todos e por isto, sem dúvidas, o líder integrador é fundamental.

    O que comentou é muito pertinente, o líder integrador não precisa ser ou se tornará necessariamente o dono ou presidente da empresa, é um habilidade importante como todas as que compõem o líder e assim alguns lideres possuem esta mais destacada, outros possuem a visão, outros a determinação, etc.

    Num ambiente de vários lideres diferentes, com auto-conhecimento, humildade, transparência e honestidade, todos os assuntos são bem tratados pela liderança que mais se destaca naquele ambiente, assunto e momento e os demais líderes os seguem naquele tópico! Difícil de se ver, mas não utópico, pois há empresas que são assim ou nascem assim e até nos esportes, onde isto acontece e os times são vitoriosos, mesmo tendo um time de pessoas muito competitivas.

    Quanto a pergunta final sobre ser um líder integrador, vejo pela maneira como construí minha carreira e vida, resultados alcançados com os times e feedbacks das pessoas, que a integração é um ponto que se destaca no meu perfil.

    Desde a época acadêmica, não me saia bem estudando “sozinho” ou grupo de estudo, o bom resultado acontecia quando tinha que estudar para ajudar alguém ou grupo, juntar as coisas. Este perfil se refletia nas repúblicas onde morava, onde era “eleito” naturalmente como líder e mais tarde percebi que foi pela integração de todos e tudo dentro da casa.

    No trabalho, desde os informais e estágios até a atuação em grandes companhias, a integração esteve sempre presente ligando o pessoal de ponta/atendimento à operação e áreas adm/suporte. Este perfil, inconscientemente, me levou a atuar por 15 anos na liderança em Logística e Supply Chain, uma área de conhecimento essencialmente integradora e que sou reconhecido por integrar pessoas e diversos assuntos nas empresas por onde passei.

    Grande abraço

    Fred Salomão
    fredsalomao@yahoo.com

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s